Portal de notícias, artigos e informações. Criação e desenvolvimento de jogos e aplicativos digitais educativos.

Posts Tagged ‘Kinect’

Jogos coletam dados de movimentos dos pacientes, ajudando a indicar o melhor tratamento

PUBLICADO EM 07/06/13 – 03h00

ASHLEY SOUTHALL
THE NEW YORK TIMES
Do Jornal O Tempo

Danica Zimmerman, 14, precisou ir a mais de 20 médicos para então receber o diagnóstico correto

Washington, EUA. Os videogames estão se mostrando um aliado na solução de mais um problema de saúde: a dor crônica. O TubeRunner é um dos quatro jogos com temas galácticos desenvolvidos especificamente para o Complexo Médico de Tratamento da Dor, em Washington, nos Estados Unidos. Lá, especialistas da dor e desenvolvedores de jogos estão elaborando uma forma efetiva de medir a dor.
A médica responsável por essa iniciativa, Julia Finkel, espera que, usando dados técnicos dos jogos e de atividades interativas para identificar objetivamente e monitorar a dor, seja possível determinar as técnicas usadas para o tratamento. O ponto central do esforço para quantificar a dor, segundo Julia, é uma caixa preta retangular com três olhos que espreitam por trás da tela. Essa caixa já foi um Kinect, dispositivo sensor de movimentos que permite que os usuários controlem os jogos usando gestos e comandos de voz.

O dispositivo está sendo usado no paciente Reilly, 15, que sofre de síndrome de dor crônica regional, que começou na perna esquerda e se espalhou para outras partes do corpo. O garoto sente uma dor constante e forte, além de ter mudanças patológicas nos ossos e na pele, suor excessivo, inchaço e sensibilidade extrema ao toque.

Dados. O mais importante, para a médica, foi o rastreamento em três dimensões que o aparelho fez de 24 pontos no corpo do jovem, fornecendo dados sobre seus movimentos – ângulos, distância, velocidade, frequência – para um banco de dados seguro. Um software feito sob encomenda mede seus batimentos cardíacos e converte todos as informações para um gráfico que pode ser visto por um fisioterapeuta em um tablet em tempo real.
“Já que é informação digital, nós podemos manipulá-la, entendê-la e analisá-la. Então, de um ponto de vista de pesquisa, é um baú do tesouro de informações que podem nos ajudar a formular novas técnicas para tratar esses pacientes”, explica a pesquisadora.

Difícil. Danica Zimmerman, 14, foi a mais de 20 médicos por causa da queimação que começou, no ano passado, em sua mão direita e rapidamente se espalhou para os outros membros. Muitos médicos chegaram a dizer que ela estava imaginando a dor que lhe forçou a parar de praticar natação e a recusar abraços.

Finalmente, ela foi diagnosticada com distúrbio simpático-reflexo, outro nome para a síndrome da dor crônica regional. No complexo médico, presa a um frasco de analgésico, ela foi colocada para brincar com um jogo de meteoros.
A diretora do complexo, Sarah Rebstock, conta que é normal seus pacientes adolescentes irem a vários médicos antes de obterem um diagnóstico correto.

A Academia Nacional dos EUA estima que cerca de 100 milhões de adultos no país sofra de dor crônica. Os empregados dos hospitais afirmam que de um quarto a metade das crianças com menos de 18 anos têm dor crônica que dura mais de três meses. “Os médicos não costuma reconhecer a dor como uma patologia. Então, os pacientes acabam indo a vários profissionais tentando descobrir o que está errado”, explica.

Do UOL, em São Paulo

10/01/2013 – 15h36

Link: http://jogos.uol.com.br/ultimas-noticias/2013/01/10/prototipo-da-microsoft-usa-kinect-para-levar-experiencia-de-jogo-para-fora-da-tela.htm

 

A equipe de pesquisa da Microsoft apresentou na feira CES, nos EUA, um protótipo chamado Xbox IlumiRoom: utilizando o Kinect e um projetor, a tecnologia promete ampliar a experiência de jogo mesclando as imagens exibidas na tela com projeções na sala do jogador.

Com ilusões projetadas em tempo real, o IlumiRoom transporta a experiência de jogo para toda a sala de estar

Com ilusões projetadas em tempo real, o IlumiRoom transporta a experiência de jogo para toda a sala de estar

Com o Kinect, o sistema escaneia a área de jogo e projeta imagens ao redor da TV, utilizando luzes e cores para ampliar o campo de visão, dar a sensação de movimento e outros efeitos especiais, aumentando assim a imersão do jogador na partida.

As imagens geradas são alteradas em tempo real de acordo com a área de jogo, sem a necessidade de mudar móveis de lugar, por exemplo.

O IlumiRoom está em estágio inicial de desenvolvimento, passando por vários testes, explica o site Microsoft Research. Não está claro, portanto, se a tecnologia será inserida no Xbox 360 ou em seu sucessor.

Mais detalhes sobre o Ilumiroom serão divulgados entre abril e maio, na conferência ACM SIGCHI, em Paris. O evento francês reúne projetos voltados à interação entre humanos e computadores.

Cirurgiões estão testando uma tecnologia utilizada em videogames que pode facilitar intervenções cirurgicas

BBC 

Reportagem veiculada no canal IG >> Saúde.

Link da reportagem: http://saude.ig.com.br/2012-06-02/medicos-testam-tecnologia-de-videogame-em-mesas-de-cirurgia.html

A tecnologia Kinnect já é usada hoje para diversão. Com ela, as pessoas conseguem jogar videogame sem nenhum controle remoto, já que sensores captam comandos de voz e movimentos do corpo.

Nas salas de operação, os médicos usam a tecnologia Kinnect para operar câmeras usadas durante a cirurgia. A captação de imagens ao vivo durante operações é uma parte importante dos procedimentos médicos.

O fato de eles não precisarem tocar em nada diminui riscos de contaminações. A tecnologia foi testada no hospital St. Thomas, em Londres, e agora será aperfeiçoada em outros centros de operação.

 

Game ajuda jovens e adolescentes a decidir vocação.

publicado por Publiminas

Link: http://www.publiminas.com/2011/12/jchebly-desenvolve-game-vocacional-para-faculdade-pitagoras/

JCHEBLY desenvolve game vocacional para Faculdade Pitágoras

Que os adolescentes gostam de jogos, isso ninguém duvida. Agora, que eles podem ser uma ferramenta para auxiliá-los na escolha do futuro acadêmico, nem todo mundo sabia. Essa é a ideia do game vocacional criado pela JCHEBLY em parceria com a Faculdade Pitágoras. Intitulado Desafio Pitágoras 3D, o jogo foi apresentado na última sexta-feira (26) durante uma feira de profissões realizada no auditório da Cidade Acadêmica da Faculdade.

Criado numa plataforma lúdica em realidade virtual, o game faz uma releitura dos testes vocacionais tradicionais permitindo ao aluno do Ensino Médio descobrir qual área escolher para cursar uma faculdade. O Desafio Pitágoras 3D se baseia numa experiência de realidade aumentada através de um Kinect, que permite detectar os movimentos do jogador, proporcionando a interação com o jogo por meio de gestos, sem a utilização de controle remoto.

Para jogar, o aluno deve se posicionar em frente ao kinect e seguir as instruções de posição corporal para “pilotar” o seu MIT Virtual – máquina individual de transporte – que o conduz aos diversos universos acadêmicos e ícones relacionados à sua área de interesse. Após escolher as opções que melhor condizem com o seu perfil, o jogador recebe a sugestão de qual curso escolher para a faculdade. O aluno pode ainda enviar o resultado do game em tempo real para sua página do Facebook.

Thais Cecília, de 17 anos, experimentou o jogo e conferiu o resultado. “Eu estava muito confusa, mas além da palestra de orientação, o jogo me ajudou muito a decidir o curso que quero fazer”. Logo após a conclusão do game vocacional ela afirma: “Vou fazer Engenharia Ambiental”.

Eduardo Teixeira, analista de projetos do Grupo de Inovação do Pitágoras, comenta o impacto positivo do game. “Alcançamos os resultados propostos pelos testes convencionais por meio de um formato divertido e diferenciado. Além disso, o projeto contribui para que a instituição seja vista como uma marca referência em inovação e tecnologia” destaca.

 

03/10/2011 – 15h12

do Gamehall Uol Jogos

Link: http://jogos.uol.com.br/ultimas-noticias/2011/10/03/kinect-pode-identificar-bloquear-conteudos-improprio-para-criancas.htm

Kinect poderá identificar e bloquear conteúdos impróprio para crianças

A Microsoft vai dar mais um passo com o seu sensor de movimentos Kinect. De acordo com um registro de patente, a empresa pretende usar o aparelho para controlar e bloquear o acesso de crianças “ligeiras” a conteúdos impróprios.

O sistema funciona da seguinte forma: o aparelho faz uma “leitura” de alguns aspectos do jogador, como cabeça, tamanho dos braços e altura, e com essas informações determina se quem está de frente para ele pode ou não ver todos os conteúdos que estão no Xbox 360 ou PC, ou jogar games impróprios – que são bloqueados automaticamente caso esteja fora da faica etária.

Para os que tem filhos altos o suficiente para enganar o sistema, é possível usar o controle de pais e bloquear o acesso, ou mudar a configuração para algo como “quando um adulto estiver presente”. Neste caso, a ideia é de que o Kinect faça dois reconhecimentos e, caso essa opção não esteja habilitada e uma criança estiver na sala/quarto, o sistema dá prioridade aos mais novos.

Não há previsão para o lançamento dessa tecnologia.

Xbox 360 em movimento

O Kinect é um acessório para o Xbox 360 que permite aos jogadores interagirem com o videogame sem a necessidade do controle. O sistema funciona com uma câmera de aproximadamente 23 cm de comprimento horizontal, que permite o alcance de até 2,7 metros de altura e 4 metros de profundidade.

04/01/2011 – 17h15

do Gamehall
Uol Jogos

Asus revela câmera que captura movimentos para PC; acessório é inspirado no Kinect

O Kinect já é uma realidade para muitos jogadores, mas até o momento está disponível apenas para Xbox 360. Porém, isso vai mudar em breve, pois a Asus, fabricante de placa-mãe para computadores, e a PrimeSense, que trabalhou na câmera do acessório para o console da Microsoft, lançarão uma versão do periférico para PC chamada WAVI Xtion.

O acessório para PC será apresentado ao mundo durante a Consumer Electronics Show 2011, que acontece de 6 a 9 de janeiro nos Estados Unidos, e seu nome está relacionado as suas características: WAVI vem de “Wireless Audio & Video Interaction” (interação de áudio e vídeo sem fio), enquanto Xtion vem da câmera que captura os movimentos do usuário.

A data de lançamento do acessório já foi definida: segundo trimestre de 2011. As regiões que receberão o WAVI Xtion inicialmente não foram reveladas, mas as empresas distribuirão o acessório no mundo “em fases”.

Essa não é a primeira vez que um sensor de movimentos é associado ao PC. Em dezembro de 2010 o estúdio coreano GamePrix anunciou que está trabalhando em um game online sem limite de jogadores para a plataforma que faz uso do Kinect.

Xbox 360 em movimento

O Kinect é um acessório para o Xbox 360 que permite aos jogadores interagirem com o videogame sem a necessidade do controle. O sistema funciona com uma câmera de aproximadamente 23 cm de comprimento horizontal, que permite o alcance de até 2,7 metros de altura e 4 metros de profundidade.

Estamos vendo e acompanhando o lançamento do Kinect. Esse console de jogos para Xbox 360 apresenta uma verdadeira revolução tecnológica.

Em primeiro lugar, ele substitui o joystick (manete) pelo próprio corpo do usuário. E, em vista dessa “pequena” modificação, os jogos literalmente ganham “vida”.

Os gamers tem que pular, correr, dançar e etc para jogar.

A principal conclusão que tiramos desse revolução, está exatamente nessa interação entre o usuário e o aparelho. Os gamers terão que “rebolar” (literalmente) para utilizar o console. E não mais ficarem sentados na frente da tela. Terão que se movimentar, sair da poltrona e agir.

Penso que no futuro, os games e consoles (e porque não os pcs) estarão usando dessa mesma tecnologia para funcionar.  O usuário não mais precisará ficar estático na frente de um computador ou de uma tela. Os softwares serão mais dinâmicos e os jogos mais interativos com o usuário.

Aplicar essa tecnologia em games educativos seria uma ótima experiência de ensino. O aprendizado com tecnologia do tipo do Kinect seria com certeza muito prazeroso e eficiente. Mas, é apenas uma especulação. Veremos o que o futuro nos reserva!

Confira abaixo um vídeo da equipe do Arena Turbo testando o Kinect!

Data de publicação: 25/11/2010 – 20:08 hs

TV IG

Arena Turbo testa jogos de Kinect


A equipe do Arena Turbo testou o Kinect, dispositivo para Xbox 360 que torna possível jogar usando apenas seu corpo. O Kinect já está a venda no Brasil por R$ 600,00.

Os editores Bruno Vasone e Caio Teixeira, com a ajuda dos repórteres Caio Corraini e Henrique Sampaio, testaram os cinco jogos para o dispositivo que já estão disponíveis no Brasil. São eles: Dance Central, Kinectimals, Joy Ride, Kinect Sports e Kinect Adventures, que vem junto com o aparelho. Cada jogo custa R$ 149,00.

Link do vídeo: http://tvig.ig.com.br/322162/arena-turbo-testa-jogos-de-kinect.htm

Estatísticas de Acesso:
  • 10 de agosto de 2010Desde:
  • 28Visitas hoje:
  • 151583Total de visitas:
  • 286184Visualizações:
  • 0Online:
Nuvem de Tags