Portal de notícias, artigos e informações. Criação e desenvolvimento de jogos e aplicativos digitais educativos.

Postagem enviada, através do Facebook, por Thiago Emídio, autor do blog ‘Mercado de Jogos Brasil’ – Site para melhorar a administração, venda e mercadologia do mercado de jogos e games eletrônicos no Brasil.

 

Como dividir os lucros da sua empresa de jogos

QUARTA-FEIRA, 21 DE NOVEMBRO DE 2012

Há basicamente 3 tipos de distribuição dos lucros:

1- Pró-labore

Este é o nome de quando se contrata um dos sócios como um empregado da empresa. e sua remuneração funciona praticamente igual a um salário. Por isso, sobre ele incidem dois impostos:
  • 11% de INSS (valor fixo, independente do valor do pró-labore);
  • IRPF (Imposto de Renda de Pessoa Física) de acordo com a mesma tabela que funciona para funcionários de empresas (veja a tabela aqui).
2- Distribuição de lucros
Neste tipo a justiça considera você como dono da empresa e já que empresas faturam, pagam impostos, contas e, com isso, geram lucro. Esse lucro pode ser distribuído entre os sócios sem que seja novamente taxado com IRPF, já que empresas pagam IRPJ (Imposto de Renda de Pessoa Jurídica) sobre o que ganham.
Para que a distribuição de lucros seja feita da maneira certa, existem algumas diretrizes que o Empreendedor precisa tomar:
  • Definir no Contrato Social (Documento que marca e caracteriza a empresa, equivalente a sua certidão de nascimento) qual a frequência em que os lucros serão distribuídos. Existe um padrão comum para fazer isso anualmente, porém nada (nenhuma lei) impede que seja feito mensalmente, por exemplo, o que é muito comum em micro empresas.
  • Caso a empresa tenha tido prejuízo ao examinar seu passado, ela não pode distribuir lucros. Primeiro ela deve pagar suas dívidas, para depois distribuir lucros.
  • Não é nada saudável distribuir todo o lucro se você já conseguir prever que o mês seguinte será de vacas magras.
3- Juros sobre Capital Próprio(o dinheiro investido pelos sócios na empresa)
Esse formato é mais usual para empresas com grande capital próprio, e em empresas chamadas Sociedades Anonimas(S.A’s) que serão explicadas mais tarde. A ideia aqui é o sócio receba uma recompensa pelo capital próprio investido.Existem duas taxa para o cálculo desse valor: a TJLP e a Selic. (…)

Deixe um comentário