Portal de notícias, artigos e informações. Criação e desenvolvimento de jogos e aplicativos digitais educativos.

Fred Di Giacomo 23 de setembro de 2011

Superinteressante

Link: http://super.abril.com.br/blogs/newsgames/museu-brasileiro-videogames-sao-paulo/

Reportagem veiculada na revista Superinteressante, on-line, apresenta algumas informações do museu de games que deverá ser construído em São Paulo. A expectativa é que seja o maior museu de games do mundo!

Maior museu de games do mundo deve ser inaugurado, em São Paulo, no primeiro semestre de 2012

(..) “Se depender da vontade do pessoal da  ACIGAMES (Associação Comercial, Industrial e Cultural de Games), no primeiro semestre de 2012 São Paulo ganha o maior museu do mundo dedicado aos videogames.  Muito megalomaníaco? Vale lembrar que, em 2011, os brasileiros devem gastar 2 bilhões de dólares em jogos digitais.   A ideia é inspirada em projetos internacionais como o “Musée du jeu vidéo e o “Museu de Games de Berlin“.  A ACIGAMES ainda não tem local definido para a empreitada e negocia apoio com  patrocinadores, mas já recebeu a doação do vasto acervo do colecionador Norian Munhoz Junior, falecido no ano passado.  Este acervo inclui mais de 3.000 mídias de games, entre cartuchos e discos, e cerca de 150 consoles, alguns extremamente raros.

O “Museu Brasileito do Videogame Norian Munhoz Junior”  vai mesclar hardware de computação, exibição de consoles antigos e obras interativas de artistas convidados.

“Mas eu v0u poder jogar nesse museu ou só vou ver um monte de consoles antigos?
Calma, leitor ansioso, segundo Kao Cyber   – responsável pelos projetos culturais e educativos da ACIGAMES –  “as pessoas também poderão jogar no museu. Porém, tendo em vista tratarem-se de máquinas antigas, delicadas e de difícil manutenção ou reposição de peças, serão estabelecidas formas de interação com horários e certas regras para conseguirmos atender ao público preservando o acervo”.

Quem diria que bibliotecas e museus se transformariam em lugares pra jogar, hein?” (..)

O professor de Design de Games e Efeitos Especiais, Kao Cyber

Deixe um comentário