Portal de notícias, artigos e informações. Criação e desenvolvimento de jogos e aplicativos digitais educativos.

Archive for the ‘Notícias’ Category

02/03/2015 – 10h12
Veja 5 jogos que vão deixar você mais inteligente
Théo Azevedo
Do UOL, em São Paulo

Link da reportagem

“Jogar videogame faz bem. De acordo com um estudo da Academia Americana de Pediatria, crianças que jogam até uma hora por dia costumam ser mais sociáveis do que aqueles que não cultivam tal hábito, o que contraria o discurso de que se divertir com videogame é um hábito antissocial. (…)” Reportagem no UOL

Aumento na flexibilidade cognitiva, que está ligada à capacidade de encontrar soluções criativas para problemas e conciliar diferentes conceitos simultaneamente, aprender sobre civilizações e descobertas tecnológicas, aprimorar as ondas cerebrais envolvidas na atenção visual e aprender novas habilidades motoras, aprender a lidar com recursos limitados e com as consequências de decisões complexas além de aprender noção espacial, construção e compreensão do planejamento…

São apenas exemplos de alguns dos benefícios que alguns games podem trazer para crianças, jovens e adolescentes (até mesmo adultos). Se os games fossem vistos com outros olhos, como acontece em algumas escolas e universidades dos EUA, a gama de benefícios pode ainda ser maior.

Veja os games que foram selecionados pela reportagem do UOL que podem trazer esses e outros benefícios.

Veja 5 jogos que vão deixar você mais inteligente

O game “Infância Livre” (http://www.mptgames.com.br/infancialivre/) é o primeiro jogo fruto de uma parceria entre o Ministério Público do Trabalho de Campina Grande e o Curso Superior de Jogos Digitais da Facisa.

Trata-se de um jogo denúncia onde um jovem decide ajudar a erradicar o trabalho infantil de diversos cenários onde está prática acontece. O jogo foi desenvolvido pelos alunos Aleff Ghimel, Matheus Ferreira, Cesar Augusto, Aurélio Filgueiras e Valdemir Segundo sob a supervisão do Prof. Rodrigo Motta. Infância Livre está disponível de forma gratuita para jogar online, baixar para computador e tablets. (Youtube)

Confira o trailler do jogo:

A TV Conecta BH, rede da Prefeitura de Belo Horizonte, fez uma reportagem sobre a revitalização do quiosque do Parque Municipal das Mangabeiras, e destacou o desenvolvimento do game “O Jogo do Quati: uma aventura no parque”.
Além disso, a reportagem aborda o aplicativo dos parques de Belo Horizonte, disponível para download gratuito para Android.
Confira o vídeo da reportagem:

 

O Governo Brasileiro, por meio do Ministério das Comunicações, lançou, na terça-feira dia 05 de agosto, um edital específico para a área de desenvolvimento de games e aplicativos.
Batizado de INOVApps, o projeto visa incentivar pequenos desenvolvedores (Pessoas Físicas e Jurídicas) do setor.

O concurso premiará 25 projetos de aplicativos inéditos e originais, no valor de R$80.000,00 e 25 jogos sérios, no valor de R$100.000,00, que seguirem os seguintes temas:

1. Direitos e Defesa do consumidor

2. Educação / Ensino

3. Saúde

4. Mobilidade Urbana

5. Segurança Pública

6. Turismo e Grandes Eventos

7. Gestão colaborativa de utilidade pública

8. Tratamento de indicadores de políticas públicas (dados abertos)

9. Difusão de campanhas de utilidade pública

Os apps e os jogos podem ser desenvolvidos para Android, iOS, HTML 5, Windows Phone, BlackBerry e Ginga.

Clique aqui e confira mais detalhes do concurso!

Reportagem no UOL Jogos destaca lançamento de game indie brasileiro, baseado na cultura indígena, para PC. Contrariando a tendência, o game é voltado para o mercado interno. Prova disso, é o uso do título em português, o que não ocorre na maioria dos games produzidos em terras tupiniquins.

A Duaik, que é a empresa produtora, é formada por quatro desenvolvedores independentes que apostam no sucesso da empreitada. Nós apoiamos a iniciativa!

O game é de plataforma, com bons gráficos e efeitos bem produzidos (ao menos no trailer do game), e consiste, basicamente, em encontrar a cura para o pajé da aldeia.
Já tínhamos feito um post citando a produção do game, mas, na reportagem do UOL, achei muito interessante alguns depoimentos dos desenvolvedores, em que apostam no mercado interno. Torcemos para que dê certo!

Vamos adquirir o game para postar um release e testar a jogabilidade e outros aspectos do game. Creio que valerá a pena!

O game está disponível na Splitplay por apenas R$24,90.
Confira o trailer:

Matéria veiculada no portal Play’n’Biz – Entretenimento & Negócios, destaca a iniciativa do Governo Federal no fomento à produção audiovisual no Brasil; em especial, incentivos para a produção e desenvolvimento de games.


Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Indústria Audiovisual, o Prodav, oferece oportunidades para novos projetos voltados a programas televisivos e mídia interativa, como ‘websódios’. A Abragames, convidada para o pronunciamento oficial, quer garantir o fomento do programa à produção nacional de games – Por Kao Tokio

O Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Indústria Audiovisual, PRODAV, é uma iniciativa do governo federal voltada ao incentivo projetos audiovisuais independentes em formatos variados. Em comunicado institucional, a Abragames informou que participará oficialmente do lançamento do projeto. “Importante mencionar que a Abragames foi convidada a participar como representante do setor de Games no Conselho Superior do Audiovisual”, escreveu em informativo nas redes sociais Eliana Russi, Gerente Executiva do Projeto Setorial de Exportação Brazilian Game Developers, projeto da Abragames com a Apex-Brasil, Agência Brasileira de Promoção a Exportações e Investimentos. “Nosso pleito é para que Games passem a ser considerados como Audiovisual Interativo e sejamos beneficiados pela Lei do Audiovisual, que, inclusive nos abrirá portas para acessar fundos importantes de financiamento como Fundo Setorial do Audiovisual”, afirmou no comunicado.(…)

Confira a reportagem completa aqui!


Aritana

Dois games brasileiros, um em produção e outro recém lançado, valorizam, de forma criativa, a cultura indígena brasileira.

Tratam-se de “Aritana e a Pena da Harpia”, jogo de plataforma 3D, com um design inovador para os padrões brasileiros de produção de games, onde Aritana, um bravo guerreiro com o Cajado do Pajé, deverá superar obstáculos e combater os Espíritos da Floresta em um estilo de mecânica rápida, intuitiva e divertida. Além disso, o jogador é perseguido constantemente pelo Mapinguari, personagem folclórico da floresta Amazônica.
O game está disponível para venda no site Splitplay.

O outro game, merece destaque por ter conseguido, recentemente, ser selecionado para apoio do Rumos Itaú Cultural. O game ainda está em desenvolvimento, mas é possível dar uma espiada em como será o game em seu site oficial aqui.
Com o nome “Huni Kuin: Os Caminhos da Jibóia”, o game pretende trazer para o público algumas histórias da tribo Huni Kuin, originária da Amazônia. Pelos depoimentos e imagens, vem coisa boa por aí.

Reportagem UOL

Do UOL, em São Paulo 21/05/2014
Reportagem completa aqui!

Aprender contabilidade governamental pode ficar mais estimulante se os conceitos da disciplinas forem aplicados. Os estudantes também podem entender melhor o conteúdo. No caso dos estudantes da UFRJ (Universidade Federal do Rio de janeiro), a aplicação se deu no mundo virtual, mais especificamente no ambiente do jogo eletrônico SimCity.

A possibilidade foi demonstrada em um estudo de doutorado defendido pelo pesquisador e professor de Contabilidade Governamental da UFRJ Marcos Roberto Pinto na FEA-USP (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo).

A aplicação do jogo SimCity possibilitou ao aluno vivenciar a formação e a gestão de uma cidade, além do desenvolvimento de um sistema de informações contábeis.

“O emprego do jogo eletrônico se apresenta como uma inovação no processo de ensino, podendo ser considerado um forte aliado no desenvolvimento de estratégias instrucionais destinadas a um público que já nasceu sob a forte influência dos aparatos digitais”, sugere. Em seu trabalho, Marcos Roberto Pinto demonstra que os estudantes que utilizam o SimCity, inserido no ambiente de aprendizagem, têm melhores notas e se saem melhores em testes-padrão.

O SimCity é um jogo de simulação que tem por objetivo criar uma cidade e administrar seus recursos, de forma a evitar a falência e a expulsão do prefeito.

Cena do jogo

Marcelo Faria – Portal Uai
Publicação: 12/04/2014 21:01

A Firaxis decidiu acabar com o mistério e revelou qual será o seu novo jogo: Sid Meier’s Civilization: Beyond Earth, que seguirá a jogabilidade da série Civilization, mas com uma ambientação que lembra mais Sid Meier’s Alpha Centaury, de 1999, com um futuro de ficção científica espacial.

No jogo, o planeta Terra está morrendo após uma catástrofe global e a humanidade precisa buscar um novo local para viver. O jogador deve guiar esses sobreviventes em um novo planeta, enfrentando desafios como organismos extraterrestres, ambientes árduos e, claro, outros colonizadores.

O jogo será publicado pela 2K Games, com lançamento previsto para PC no segundo semestre deste ano.


Veja também:

No dia 4 de abril, foi dada entrada em uma audiência pública para o setor de jogos digitais, que visa discutir melhorias e melhores condições para que o mercado brasileiro de games possa crescer, dado o fato que o país é o 4º maior mercado de jogos digitais do mundo!

A petição convida para a audiência o Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, o Senhor Clélio Campolina Diniz; O Secretário de Economia Criativa do Ministério da Cultura, o Senhor Marcos André Rodrigues de Carvalho; O Diretor do Departamento de Indústria, Ciência e Tecnologia da Secretaria de Telecomunicações, do Ministério das Comunicações, o Senhor José Gustavo Gontijo; O Presidente da ACIGAMES (Associação Comercial, Industrial e Cultural de Games) e membro do Conselho Consultivo da Frente Parlamentar Mista em defesa da Cultura, o Senhor Moacyr Alves Junior; Os Criadores do Game da Galinha Pintadinha, o Senhor Marco Luporini e o Senhor Juliano Prado; O Presidente do Porto Digital, Parque Tecnológico de Tecnologia da Informação e Comunicação e Economia Criativa, o Senhor Francisco Saboya; O Representante da Google Play, Loja de Aplicativos para o Sistema Android e a Diretora Geral da Divisão Brasileira Apple, a Senhora Paula Bellizia.

A petição tem como justificativa, o alto índice de vendas de jogos digitais, que levaram o Brasil a ficar à frente de mercados de alto rendimento, como Reino Unido, Alemanha e Espanha, como relata a consultoria GFK. Apenas em 2012, o mercado de games digitais no país, movimentou 5.3 bilhões e espera-se um crescimento ainda maior para 2013 (quando o ano fiscal for encerrado). Realmente são números significativos e que devem pesar na decisão do plenário. (fonte: Combo Infinito)

Leia a reportagem completa aqui!

Leia mais: Os Games como ferramenta educativa e de fortalecimento da cultura popular

Jogo está no Steam Greenlight e deve ser lançado no primeiro semestre de 2014

Marcelo Faria – Portal Uai
Publicação:06/03/2014 10:50
Link: http://divirta-se.uai.com.br/app/noticia/games/2014/03/06/noticia-games,152219/versao-alpha-gratuita-de-mini-metro-e-disponibilizada.shtml

Simples e fácil de jogar, Mini Metro é um jogo sobre gerenciar um sistema de metrô de uma cidade que não para de crescer. O jogo, desenvolvido pela Dinosaur Polo Club, está em fase alpha e pode ser jogado gratuitamente no site oficial do estúdio.

Mini Metro é minimalista tanto no seu visual quanto na jogabilidade. Ele se apresenta como um típico mapa de metrô das grandes cidades, com um fundo branco e linhas de cores diferentes representando os percursos do sistema de transporte público. No jogo, as estações ‘brotam’ automaticamente e tudo que o jogador precisa fazer é arrastar as linhas com o mouse para conectá-las. O desafio está em tentar manter o sistema rápido e coerente o bastante para que seus usuários esperem o mínimo de tempo possível – caso um número grande de passageiros fique tempo demais em uma estação, o jogador perde.

Na verdade, Mini Metro é mais fácil de aprender na prática que com explicações. Para jogar, basta visitar o site e, caso ainda não tenha, instalar o plugin da Unit.

Mini Metro deve ser oficialmente lançado no primeiro semestre de 2014, para PC, Mac, Linux, iOS e Android. Ele já está no Steam Greenlight, o sistema da Valve em que os jogos podem receber votos para serem lançados na plataforma de distribuição digital.

Trailer:

Game inspirado no caso Suzane Von Richtofen tenta mostrar e entender a motivação por trás do crime

Do site areah.com.br.
Link da reportagem: http://www.areah.com.br/Vibe/Games/materia/71149/1/pagina_1/materia.aspx?key=uai

Mundos fantásticos e cheios de magia e coisas que não existem no mundo real são temáticas comuns em jogos, e poucos são os títulos que tentam recriar a realidade. Mais raros ainda são os jogos baseados em fatos reais, como o game Suzy and Freedom, uma aventura baseada na história do caso Suzane Von Richthofen. Lembra dela?

Na noite do dia 31 de outubro de 2002 os pais de Suzane foram assassinados enquanto dormiam, em São Paulo. Após investigação foi descoberto que tudo foi planejado por Suzane, seu namorado Daniel Cravinhos e o irmão dele Christian Cravinhos. O caso foi tema de vários trabalhos acadêmicos e estudos psicológicos e agora virou game.

Quem criou o jogo foi o brasileiro Nicolau Chaud, psicólogo, professor de psicologia que tem como hobbie desenvolver jogos simples no RPG Maker. O game de adventure pode ser terminado em poucas horas (é recomendado jogar tudo de uma vez só, inclusive) e tenta expor e entender as motivações de todos os envolvidos na história. Há diálogos e minigames ao longo do caminho que leva até a prisão dos culpados.

Você joga com a própria Suzana, com Dan, o namorado dela e até uma das vítimas em uma das cenas mais pesadas, em que você deve se defender de um dos assassinos. Sem dúvida são sequências que mexem com o jogador.

Em entrevista à revista Vice, Nicolau disse que sua fonte de pesquisa sobre o caso foi um livro chamado O Quinto Mandamento, de Illana Casoy, uma investigadora que acompanhou a reconstituição do crime e teve acesso a documentos oficiais do caso. Créditos à ele que estudou um caso de polícia para criar um game sobre.

Se você quiser uma ou duas horas de entretenimento diferente do seu Call of Duty, o jogo é freeware (gratuito) e basta visitar a página para baixar.

Estatísticas de Acesso:
  • 10 de agosto de 2010Desde:
  • 18Visitas hoje:
  • 156317Total de visitas:
  • 296140Visualizações:
  • 1Online:
Nuvem de Tags